Pro Flight Yoke Review

Bom galera, aí vai meu feedback a respeito do manche Pro Flight Yoke da Saitek.

A mais de 15 anos que sempre usei o yoke (manche) e pedais da CH, e sempre estive satisfeito com o conjunto, eles são muito bons e um ótimo custo/benefício para quem tem a oportunidade de trazer de fora como eu tive. Porém após longo tempo de serviço (mais de 8 anos) os potenciometros estão precisando de uma manutenção, nada sério, talvez apenas uma limpeza resolva.

A alguns meses atrás eu havia visto esse yoke da Saitek com um amigo (piloto de helicóptero) e achei muito bom e robusto e me atraiu bastante por possuir o conjunto de manetes separados. Desde então eu fiquei na cabeça que quando houvesse uma oportunidade eu iria adquirir o manche.

Pois bem, a oportunidade surgiu. Fiz o pedido e recebi hoje pela manhã conforme o previsto.

Fui logo desembalando e minha primeira surpresa boa foi que o manche possui 2 maneiras diferentes para ser fixado na mesa e o conjunto de manetes 4 formas diferentes.

Aqui em casa preciso tirar as gavetas da bancada para poder fixar (já tinha que fazer assim com o CH), mas nada de mais, achei que o conjunto ficou muito bom e bem ergonômico. Ter as manetes separadas do throttle faz toda a firerença. Veja fotos em anexo, não estão tão boas porque tirei com o celular, mas dá pra ter uma idéia de como ficou. Gostei também dele possuir um Hub USB para concentrar as conexões de todos os joysticks/pedais.

A primeira coisa que fiz ao ligar o manche foi abrir o painel de controle do Windows XP, que o reconheceu corretamente junto com o quadrante de manetes. Mesmo assim eu instalei o software que acompanha o CD, que torna essa tela customizada.

Após a instalação do software, abri o FS2004 pra configurar as teclas e eixos. Algumas coisas já estavam pré configuradas. Aparentemente algum botão que troca a visão (equivalente a tecla “S”) estava em conflito, então a visão ficava trocando sozinha de tempo em tempo. Problema facilmente resolvido removendo-se a atribuição da ação e atribuindo novamente ao botão que eu desejava.

Outro imprevisto foi quanto a manete de mistura, que aparentemente apesar de setada na janela de assignments, não estava se movendo e não estava sendo inclusive “vista” pelo FSUIPC. Acabei achando a solução no manual, apenas reduzindo a sensibilidade do eixo no FS.

A partir daí foi só calibrar os eixos das manetes e atribuir outros botões pelo FSUIPC, no final ficou muito bom!

Abaixo segue alguns pontos importantes:

– Achei a “pegada” do manche muito boa, mais consideravelmente mais mole que o CH, mas gostei
– O hat do lado esquerdo foi algo realmente pensado, não sei o que deu na CH de colocar no lado direito. Quando se vem fazendo um circuito, e a mão direita está nas manetes de potência, dá pra mudar a visão sem problemas.
– O cronômetro é algo super últil, mas o relógio acho que seria mais legal se sincronizasse com o FS e não com o computador
– Existe 3 modos de conjunto de configuração que se muda através de um botão giratório no lugar do dedo indicador direito, mas eu não usei isso.
– As manetes são excelentes e os botões logo abaixo muito bons pra se colocar trem de pouso, flaps, etc.
– As manetes tem uma posição de reverso que é reconhecida como botão, não como eixo, mas é bem útil.
– Ter a parte de cima reta é um detalhe que também fez toda a diferença (o CH é côncavo), dá pra usar pra colocar o teclado, cartas, etc.
-A possibilidade de adicionar outro conjunto de manetes é ótima, recomendável pra que quer voar aviões com mais de um motor.
– Ele possui 3 entradas usb adicionais atrás, o tornando um hub usb.
– Ao contrário do yoke da CH, ele possui diversas partes de metal o que me faz acreditar ser durável. Mas isso só o tempo dirá.

Para teste fiz dois voos curtos de Baron (Marte » Bragança » Poços de Caldas) e fiz um circuito em Seattle mesmo com o 737 default pra testar os reversos e tal.

Depois fui tirar a conclusão no FSX e fiz um circuito com o Seneca II da Carenado, também ficou ótimo e aquele atraso de resposta não procede, pelo menos aqui ficou perfeito, como no FS9.

Conclusão final:

O manche é excelente! Altamente recomendável para quem gosta de voar com yoke, acredito que seja o que melhor pode se conseguir gastando menos de R$1000. Se eu fosse levantar alguma desvantagem ela ficaria apenas por conta de o manche da Saitek não ser compatível com Mac, diferente do CH que funciona perfeitamente.

Fica aqui meu especial agradecimento ao amigo Paulo de Lima por ter viabilizado a importação desse manche. Sem ele dificilmente eu conseguiria comprá-lo.

Abs,

Felipe Bachian